Comportamento organizacional: o que é e para que serve?

27/9/2021

Por

Aline Oliveira

Comportamento organizacional: o que é e para que serve?

Existe uma frase no mercado de trabalho que diz "contrata-se pelo currículo, mas demite-se pelo comportamento". De fato, o comportamento organizacional de uma pessoa é bem mais valioso no dia a dia de uma empresa do que até o mais conceituado título acadêmico.

Esse é um assunto importante e que sempre é pauta de pesquisas realizadas pelo mercado com o objetivo de orientar profissionais sobre o risco de não ter inteligência emocional no trabalho. Um estudo, inclusive, já constatou que 90% dos colaboradores são demitidos por má conduta nas empresas.

Está enfrentando problemas do tipo com seu time e quer saber como gerenciar a situação? Ou pretende entender melhor como lidar no ambiente corporativo de forma mais saudável para suas relações? Vem com a gente, pois você vai gostar do nosso papo!

Neste conteúdo, você encontra:

O que é comportamento organizacional?

Comportamento organizacional é a forma como as pessoas agem e lidam com as situações no ambiente de trabalho. A conduta profissional, nesse sentido, acontece em diversas situações e formam um conjunto de atitudes tomadas no dia a dia na empresa.

Quando falamos em comportamento humano nesse sentido, temos como objetivo entender como os impactos e as implicações do comportamento dos colaboradores e líderes refletem na organização. 

A forma como as pessoas reagem às adversidades que surgem no trabalho, como se comunicam internamente, os assuntos que tratam, o modo como desempenham suas atividades e até a maneira como se vestem são exemplos de como o comportamento organizacional é percebido na companhia.

Qual é o objetivo de entender o comportamento organizacional?

O principal objetivo de entender o comportamento organizacional nas empresas é promover ações e traçar estratégias para garantir que todos se relacionem bem — inclusive consigo mesmos — para que o andamento dos trabalhos não seja impactado.

Além disso, a compreensão do comportamento organizacional garante condições para que o trabalho se desenvolva da melhor forma possível por meio de técnicas que ajudem no engajamento e no autoconhecimento das pessoas do time.

No entanto, esses são os objetivos primários e que refletirão nas etapas produtivas da companhia. Podemos ir além quanto aos objetivos de entender comportamento organizacional para o RH:

  • ter equipes mais unidas e que sabem respeitar os diferentes perfis comportamentais;
  • montar times mais saudáveis mentalmente e que entendem a importância da inteligência emocional;
  • preparar os gestores para lidar com diferentes tipos comportamentais;
  • adotar um padrão comportamental nivelar o atendimento ao cliente;
  • ter times mais maduros, resilientes e que procuram se desenvolver constantemente;
  • facilitar a comunicação interna;
  • promover o respeito ao próximo e a necessidade de saber conviver em grupo;
  • compreender com profundidade as dinâmicas e complexidades existentes nas relações de trabalho;
  • fortalecer o clima organizacional e oferecer um ambiente harmonioso e almejado pelos profissionais. 

Quais são os principais tipos de comportamento organizacional?

Cada organização tem suas próprias definições de comportamento organizacional ideal e isso se dá de acordo com suas políticas e seu estilo. Uma startup, por exemplo, pode ter um modelo de perfil comportamental completamente diferente daquele desejado por uma empresa multinacional. 

Outro exemplo, é quando uma companhia não tem valores éticos definidos em suas normas, cujo comportamento da própria liderança pode oferecer brechas para atitudes questionáveis dos colaboradores

No entanto, saiba que estudiosos da área propõem algumas classificações de comportamento organizacional e, abaixo, listamos as principais:

Baseado na responsabilidade

Esse é um comportamento organizacional que tem como foco a responsabilidade em diversos aspectos: no dever com o trabalho, nas atitudes em relação aos outros, no comportamento individual dos profissionais, nas ações que refletem no bem-estar coletivo, entre outros.

A premissa principal desse modelo de comportamento é ter compromisso e cumprir deveres, de maneira geral, mas priorizando o menor impacto nas demandas de trabalho.

Baseado na ética

Priorizar a ética organizacional é um aspecto primordial para muitas empresas e isso implica diretamente nos valores de uma companhia. Aqui, o foco é agir com transparência, honestidade, respeitando as normas e, principalmente, as pessoas.

Baseado no controle gerencial

Esse modelo de comportamento é focado na maneira como uma empresa monitora seus funcionários. Está diretamente relacionado à forma como ela gerencia sua equipe, e pode ser com base na confiança ou no controle mais rígido e na cobrança incisiva de resultados. 

Baseado na autocracia

A autocracia é uma tipo de liderança autoritária e o foco é tratar os colaboradores em uma relação mais vertical, de forma subordinada. Esse é um tipo de comportamento organizacional em que os gestores tomam as decisões sem oferecer abertura aos funcionários para contribuições.

Baseado na competitividade

O modelo baseado na competitividade pode ser bastante saudável para companhias que visam a alta produtividade e o lucro, mas existe uma linha tênue entre promover um ambiente pautado em competições saudáveis e outro tóxico e inadequado.

Aqui, é preciso ter em mente que o foco é estimular os times a darem o melhor de si, a se desenvolverem e, acima de tudo, utilizarem como parâmetro os próprios resultados como forma de evoluírem. Do contrário, haverá um ambiente cheio de conflitos e disputas nada positivas. 

Baseado no assédio

Por falar em nada positivo, por fim, temos o comportamento organizacional que não deve ser adotado por nenhuma empresa, pois não é saudável para ninguém, mas infelizmente, é visto com frequência no mercado de trabalho.

Esse modelo é baseado na perseguição dos colaboradores em diversos níveis, podendo haver assédio moral ou sexual, lideranças abusivas, pessoas com comportamentos constrangedores e desrespeitosos. É importante ter esse modelo em mente para saber identificá-lo e evitar que ele se apresente na sua empresa.

Como analisar o comportamento organizacional?

Ficou na dúvida sobre o tipo de comportamento organizacional predominante na organização ou quer entender melhor sobre o comportamento dos seus colaboradores? Acompanhe algumas ideias de como mensurar esse conceito que, por vezes, pode ser tão subjetivo:

  1. faça uma pesquisa de clima para entender como os colaboradores veem a organização e as questões internas;
Planilha e checklist de pesquisa de clima organizacional
  1. realize, já na admissão dos funcionários, um mapeamento de perfil comportamental. Isso ajuda a entendê-los melhor e a traçar estratégias de auxiliarão na busca pelo autoconhecimento e no gerenciamento das emoções;
  2. observe como é a relação das pessoas no ambiente de trabalho: como elas se comunicam, como reagem às mudanças e como se tratam;
  3. avalie a rotatividade da empresa e investigue se ela está diretamente ligada às demissões por conta do comportamento dos colaboradores.

Entender o motivo que pode levar à alta rotatividade, se houver, pode ser determinante para ajudar no planejamento de estratégias que visam reduzir os impactos de maus comportamentos organizacionais. 

Como você viu no início deste artigo, 90% das demissões tem causa direta com atitudes negativas, mas isso não precisa ser realidade na sua empresa, certo? Com as nossas dicas, é possível reduzir esse número e conquistar um ambiente de trabalho saudável, harmonioso e produtivo. 

Se você gostou deste assunto, também pode se interessar em aprender mais sobre como gerenciar recursos humanos com a ajuda da tecnologia! Temos um material gratuito sobre isso e você não pode perder!

Tecnologias e serviços indispensáveis para RHs em 2021


Logotipo Pipo Saúde
Pipo Saúde

Conectamos a sua empresa com os melhores benefícios de saúde: Planos de saúde, odontológico e muito mais para o bem estar dos colaboradores da companhia.

Inscreva-se na Newsletter da Pipo!

Imagem de um brilho.

Pronto para simplificar a  gestão de saúde da sua empresa?

Comece agora uma nova relação com o plano de saúde da sua empresa.

Quero uma cotaçãoImagem de uma estrelinha.

Posts recomendados