Vantagens e como fazer recrutamento interno nas empresas

17/9/2021

Por

Aline Oliveira

Vantagens e como fazer recrutamento interno nas empresas

Vantagens e como fazer recrutamento interno nas empresas

Um dos principais desafios do RH é recrutar profissionais que tenham fit cultural com a organização. Isso acontece com você? E se os talentos que já estão na empresa fossem aproveitados para o preenchimento de novas vagas por meio de um recrutamento interno?

Esse tipo de seleção consiste em aproveitar os colaboradores que fazem parte do time para realocá-los de função ou promovê-los quando surge uma oportunidade na companhia. 

Além de otimizar o tempo necessário para realizar uma nova contratação do zero, esse processo traz diversos outros benefícios não só para a empresa, mas também para os profissionais que conseguem vislumbrar novas oportunidades de crescimento. Entenda melhor como isso funciona a partir dessa leitura!

Neste conteúdo, você vai encontrar:

O que é recrutamento interno?

O recrutamento interno é um modelo de contratação que visa aproveitar os colaboradores que já estão na empresa em vez de abrir a seleção para profissionais externos. É uma ótima estratégia para usufruir dos talentos internos e promover ações de employee experience.

 Assim, se um colaborador está insatisfeito em uma área, subaproveitado ou simplesmente deseja novas experiências dentro da empresa, ele tem as chances de aproveitar o processo seletivo para pleitear um novo cargo.

O mesmo acontece quando um profissional percebe que se identifica mais ou uma atividade do que com outra para a qual foi contratado. Com isso, por meio do recrutamento interno ele terá oportunidades de realizar novas funções, evitando que a empresa precise buscar alguém de fora para preencher a posição de trabalho.

Quais são os tipos de recrutamento interno?

A empresa pode recrutar talentos internos de diversas formas, e a maneira mais prática será definida de acordo com as necessidades e políticas organizacionais. Selecionamos os principais tipos para você conhecer:

Recrutamento informal

O recrutamento informal pode acontecer com mais frequência em empresas que também têm culturas organizacionais mais informais ou que tenham um modelo de gestão mais horizontal. 

Nesse caso, são indicados profissionais de outras áreas dentro da empresa e não há um processo seletivo padronizado. Inclusive, não há muitas regras a serem seguidas nesse tipo de contratação, sendo o fator principal o famoso “qi” ou “quem indica”.

Transferência

A transferência também é um tipo de recrutamento interno, dependendo da necessidade da companhia. Nesse caso, o colaborador é transferido de localidade para suprir uma demanda em uma nova filial que precisa de novos profissionais, por exemplo.

Ou ainda, pode haver o recrutamento interno com o objetivo de aproveitar o mesmo nível de trabalho de um colaborador em uma nova equipe ou setor. 

Promoção

Esse é um dos tipos mais vistos nas empresas e acontece, geralmente, quando a vaga de um gestor é liberada e um novo colaborador é escolhido para preenchê-la. O mesmo ocorre quando o cargo desse funcionário, que foi promovido, precisa ser preenchido por outra pessoa.

Promoção de colaborador temporário para permanente

Muitas vezes, um profissional entra na empresa para suprir uma demanda, como cobrir o cargo de uma colaboradora que está de licença-maternidade. No entanto, pode ser necessário aproveitar esse funcionário por mais tempo e ele ser promovido de temporário para colaborador permanente.

O mesmo acontece quando um estagiário desempenha um bom trabalho e a empresa resolve aproveitá-lo internamente quando ele se forma. Assim, de estagiário, ele passa a ser colaborador efetivo por meio do recrutamento interno.

Abertura de novas vagas

Ainda há a abertura de novas vagas que podem surgir devido ao crescimento do volume de atividades, principalmente quando a empresa está em pleno crescimento e expansão. Com isso, muitas vezes, pode ser mais relevante recrutar talentos internos do que abrir processos seletivos externos.

Vantagens de recrutar internamente

A sua empresa pode ter muitos talentos que, na correria diária, podem ser subaproveitados ou passar despercebidos pelo setor de RH. Esses talentos podem ser revelados quando um novo processo seletivo se abre e, a partir disso, todos os lados contarão com diversos benefícios:

Para o time

  • valorização do capital humano;
  • oportunidade de crescimento e desenvolvimento na carreira em uma empresa que o colaborador já está ambientado e integrado;
  • melhoria da experiência do colaborador com a empresa.


Para a empresa

  • aproveitamento de colaboradores que já estão ambientados;
  • menos custos com processos seletivos, já que muitas vezes, eles demandam aluguel de espaços para realizar dinâmicas, além do custo com a papelada burocrática necessária para fazer as contratações, 
  • redução de tempo para realizar a contratação, já que não será necessário fazer a divulgação das vagas externamente, aguardar a candidatura de mais profissionais, não será preciso realizar testes de perfis, entre outros;
  • retenção de talentos e consequente redução do turnover, já que os colaboradores se sentirão mais pertencentes à organização e terão muito mais motivação para trabalhar;
  • economia de tempo e de dinheiro com treinamentos e programas de integração;
  • viabilização dos planos de sucessão na empresa, já que o recrutamento interno também é uma forma de preparar os talentos para alcançarem patamares cada vez mais elevados.

Passo a passo para realizar o recrutamento interno com sucesso

Além das vantagens que vimos anteriormente, um processo seletivo interno pode também oferecer desvantagens se não for bem gerido, pois pode estimular a competição não saudável e ser gatilho para desavenças na empresa caso o colaborador se candidate à uma vaga e não seja aprovado.

Com isso em mente, é importante adotar medidas para evitar situações do tipo. Entre as medidas mais relevantes para realizar um processo de recrutamento interno bem estruturado são:

1. Comunique a todos sobre a abertura da vaga

Se a sua empresa adota um processo de recrutamento padronizado — o que torna a atividade muito mais transparente e efetiva — é importante comunicar a todos sobre o processo de recrutamento interno para que todos que se sintam aptos possam participar.

Isso evita intrigas e fofocas internamente e não abre brechas para que outras pessoas do time fiquem desconfortáveis por não serem comunicadas, o que impacta a sua motivação na empresa.

2. Tenha transparência quanto aos requisitos da vaga

Não adianta abrir um processo seletivo para preencher uma vaga que muitos almejam, mas que poucos têm as habilidades e capacitações necessárias para concorrê-la. Para participar do processo, é essencial que o colaborador esteja ciente de todos os requisitos necessários ao cargo.

Isso evita que indicações sejam enviesadas, feitas por gestores que têm suas preferências, além de facilitar para que fique claro para o funcionário os motivos pelos quais ele pode ou não participar de determinado recrutamento.

3. Peça referências dos gestores

Quando um profissional se candidata ao processo de recrutamento interno, é importante pedir referências e feedbacks dele para seu gestor direto, principalmente se a empresa contar com vários departamentos onde nem todos se conhecem.

4. Dê retorno efetivo sobre a aprovação ou não ao cargo

Assim como no processo seletivo externo, é essencial que o colaborador tenha entendimento da sua participação na seletiva interna e dos desdobramentos disso. 

Isso é importante para que ele entenda os motivos que impediram a sua aprovação ou que garantiram a sua aprovação, além de oferecer mais transparência a todos os que participaram do processo.

Viu quantas vantagens e formas de se fazer um recrutamento interno de forma inteligente na sua empresa?  Se essa lhe pareceu uma boa ideia, aproveite para colocá-la em prática nas próximas oportunidades!

Aproveite para conhecer nosso blog e ficar por dentro de outras dicas como essas para otimizar suas atividades de RH. 


Logotipo Pipo Saúde
Pipo Saúde

Conectamos a sua empresa com os melhores benefícios de saúde: Planos de saúde, odontológico e muito mais para o bem estar dos colaboradores da companhia.

Inscreva-se na Newsletter da Pipo!

Imagem de um brilho.

Pronto para simplificar a  gestão de saúde da sua empresa?

Comece agora uma nova relação com o plano de saúde da sua empresa.

Quero uma cotaçãoImagem de uma estrelinha.

Posts recomendados